América-MG Atlético-MG Atlético-PR Bahia Botafogo Ceará Chapecoense Corinthians Cruzeiro Flamengo Fluminense Grêmio Internacional Palmeiras Paraná Santos São Paulo Sport Vasco Vitória

10.Out 09:43

Camisa 12

Palmeiras dispara na liderança, e Flamengo entra no G-4

Botafogo e Vasco empatam em clássico e ficam perto da zona de rebaixamento

Flamengo assume a terceira posição. FOTO: Divulgação/Flamengo

Dividida por causa das eleições, a 28ª rodada do Campeonato Brasileiro teve andamento na noite desta terça-feira (08). O Vasco venceu o Botafogo, no estádio Nilton Santos, num jogo sem muita inspiração. No destaque da rodada, está o Palmeiras, que manteve-se na liderança, com 56 pontos. O Flamengo subiu duas posições e agora a ocupa a terceira posição.

A rodada se encerra apenas no dia 24 de outubro, quando Cruzeiro e Ceará se enfrentam no Mineirão. A partida foi adiada porque a Raposa duela, nesta quarta-feira (10), contra o Corinthians no Mineirão, no jogo de ida da final da Copa do Brasil. Confira o resumão da 28ª rodada até aqui!

28ª rodada

Sport 2x1 Internacional

Sport e Internacional inauguraram a rodada, na Ilha do Retiro, na sexta-feira. O Colorado até saiu na frente com gol marcado por Nico López, aos 21 do segundo tempo, mas o Leão não tomou conhecimento do adversário e partiu para a virada. Aos 32, Adryelson empatou de cabeça em cobrança de escanteio. Assim como o gol do Inter foi após um erro de saída de bola do Sport, o da virada leonina também surgiu depois de um erro gaúcho: Charles errou em frente à área, Michel Bastos aproveitou e deixou Mateus Gonçalves na cara de Marcelo Lomba, que pouco pode fazer para evitar o gol que deu a vitória ao Sport. Apesar do triunfo, o Leão ainda é o vice-lanterna, agora com 27 pontos. O Inter continuou na vice-liderança, com 53 pontos, mas três atrás do líder Palmieiras.

Corinthians 0x3 Flamengo

Avassalador! Assim foi o Flamengo diante do Corinthians. Com dois gols de Paquetá e um de Renê, o Rubro-negro venceu o Timão com propriedade dentro da Arena Itaquera, na última sexta. As equipes voltaram a se enfrentar nove dias depois das semifinais da Copa do Brasil, quando o Corinthians conseguiu eliminar o rival carioca. O destaque do duelo foi o jovem Lucas Paquetá, autor de dois gols, um deles com estilo de centroavante, numa bonita cabeçada no canto de Cássio. O outro foi uma sobra dentro da área, de onde o meia emendou uma pancada para ampliar o marcador. O gol de Renê aconteceu após contra-ataque veloz. O lateral-esquerdo recebeu passe de Rodinei, parou em Cássio primeiro, mas no rebote fechou o placar. Com a vitória, o Flamengo chegou a terceira posição, com 52 pontos, um atrás do vice-líder Inter e quatro atrás do líder Palmeiras. O Corinthians, que pensa na final da Copa do Brasil contra o Cruzeiro, ficou com 35, em 11º.

Vitória 0x1 Santos

Jogo do Santos no Barradão contra o Vitória é sinônimo de triunfo para o Peixe, que derrotou os baianos por 1 a 0, na última sexta, e chegou a quatro vitórias seguidas jogando contra o Leão em Salvador. O Santos vence o Vitória no Barradão desde 2014. O único gol do confronto foi marcardo por Carlos Sánchez, logo aos oito minutos do primeiro tempo. O uruguaio experimentou de fora da área, a bola bateu nas costas de Lucas Ribeiro e matou o goleiro Ronaldo. O Peixe chegou a sétima posição, com 39 pontos, seis atrás do Atlético-MG, último time da zona de classificação à Pré-Libertadores. Já o Vitória permanece na zona de rebaixamento, em 18º, com 29 pontos.

Atlético-PR 4x0 América-MG

O Atlético-PR não tomou conhecimento e aplicou uma goleada de 4 a 0 sobre o América-MG, na Arena da Baixada, no sábado. Com o triunfo, o Furacão chegou a 10 vitórias seguidas atuando em casa. Os gols do confronto foram marcados por Marcelo Cirino e Raphael Veiga, no primeiro tempo, e Nikão e Pablo, na segunda etapa. O Rubro-negro chegou a 36 pontos, na 10ª posição, e se afastou da zona de rebaixamento. Por outro lado, o Coelho está em 14º, apenas dois pontos acima da zona de rebaixamento.

Chapecoense 1x0 Atlético-MG

Em jogo marcado pela falta de inspiração técnica das equipes, a Chapecoense venceu o Atlético-MG, por 1 a 0, na Arena Condá, no último sábado. A vitória veio com gol improvável de Doffo nos acréscimos, gerando muita emoção no estádio. O argentino tentou um cruzamento, a bola pegou em Leonardo Silva e encobriu Victor, parando no fundo das redes. Com o placar, a Chape ganhou duas posições. Os comandados de Guto Ferreira foram a 31 pontos e pararam na 16ª colocação, deixando o Z-4. O Galo estacionou em sexto, com 45 pontos.

São Paulo 0x2 Palmeiras

O Palmeiras venceu o São Paulo por 2 a 0, no Morumbi, acabou com um jejum de 16 anos sem vencer no estádio rival e ainda jogou o Tricolor em uma crise. Os gols do clássico foram marcados pelo zagueiro Gustavo Gómez e pelo atacante Deyverson. O Tricolor Paulista chegou a quatro jogos sem vencer, saiu vaiado de campo - técnico Diego Aguirre foi chamado de burro - e caiu para o quarto lugar. Com 56 pontos, o Verdão ampliou a vantagem para o vice-líder Internacional (53 pontos).

Grêmio 2x2 Bahia

O que parecia ser uma noite tranquila para o Bahia, acabou ficando de bom tamanho para os tricolores com o resultado final na Arena de Porto Alegre. O Tricolor de Aço abriu 2 a 0 no placar, marcados por Élber, e vencia até os 38 minutos da segunda etapa, mas viu o Tricolor Gaúcho diminuir com Juninho Capixaba e empatar com Jael no fim do segundo tempo. O Bahia ainda teve a expulsão de Jackson, no início da segunda etapa, o que facilitou o trabalho da equipe comandada por Renato Gaúcho. O Grêmio está em 5º com 51 pontos, e o Bahia, com 31, próximo do Z-4.

Fluminense 4x0 Paraná

Em seus domínios e atuando contra o lanterna, o Fluminense teve facilidades para vencer o Paraná por 4 a 0, no Maracanã. Jadson foi um dos destaques do jogo, marcando dois bonitos gols de chapa, tirando do goleiro Richard. O também Richard, do Fluminense, foi outro destaque tricolor. O volante voltou a marcar na vitória sobre os paranaenses. Ele já havia marcado no triunfo sobre o Deportivo Cuenca, na última quinta-feira. O outro gol do Flu foi anotado por Luciano. O time de Marcelo Oliveira chegou a 37 pontos e parou na oitava colocação, enquanto o Paraná segue na lanterna, com apenas 17 pontos.

Botafogo 1x1 Vasco

O Botafogo esteve melhor que o Vasco na partida, num duelo com muitos erros dos dois lados. Luiz Fernando abriu o placar aos 16 minutos da primeira etapa e, pouco depois, quase ampliou ao tentar um cruzamento para a área que desviou em Luiz Gustavo. A bola encobriu Fernando Miguel e bateu no travessão. Maxi López, única esperança de chance criada no Vasco, empatou ainda antes do intervalo. No segundo tempo, o Botafogo reclamou de dois pênaltis não marcados. O Glorioso está com 34 pontos, três a mais que o Gigante da Colina, que está um acima do Ceará, o primeiro da zona de rebaixamento.

Assine a nossa newsletter